Esta Matéria não tem vídeo
 Deputado estadual Delegado Péricles (PL-AM) 




Deputado estadual Delegado Péricles (PL-AM)
Esta Matéria não tem 
vídeo

 

Deputado

Delegado Péricles pede aumento de 100%
nas provas corrigidas para a Polícia Civil do Amazonas


Amazonas - O deputado estadual Delegado Péricles (PL-AM) protocolizou junto à Assembleia Legislativa do Amazonas, requerimento que solicita ao Governo do Estado o aumento em 100% no número de provas corrigidas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) para os cargos de delegado, escrivão e investigador ofertados no concurso da Polícia Civil do Amazonas.

De acordo com o deputado, o total de testes corrigidos precisa ser, para todos os cargos, seis vezes maior do que o número de vagas ofertadas, a exemplo do cargo de perito, que já atende essa quantidade neste certame.

“O que eu defendo aqui é que a quantidade de provas corrigidas seja justa e compatível não só com o número de vagas ofertadas, mas principalmente com a necessidade de fortalecimento do atual efetivo. Precisamos que o número de testes corrigidos seja de seis vezes superior ao número de vagas para que se atinja número significativo e, ainda, se forme um cadastro reserva com os aprovados além do número de vagas após todas as provas eliminatórias”, explicou o deputado estadual.

Em documento protocolizado junto à Casa e a ser enviado para o Governo do Estado, o parlamentar traça comparativo entre o número de provas a serem corrigidas para o cargo de delegado, o número de vagas ofertadas e a real necessidade da segurança pública no momento.

“Para que todos entendam melhor, anunciaram a correção de 248 provas para delegado, sendo 62 vagas ofertadas pelo concurso. São apenas três vezes mais do que o número de vagas oferecidas no certame, o que desconsidera as eliminações daqui para frente e ignoram a economia futura de recursos que um cadastro reserva pode proporcionar. Ele sim pode ser um verdadeiro aliado para que novos altos valores não sejam despendidos para a realização de novo concurso”, continuou.

O parlamentar reforça em requerimento que a diferença entre os cargos da PC citados na Lei 2.875/04 – que institui o PCCR da PCAM – e a realidade demonstrada no mês de março/2022, são dados que pesam ainda mais para a revisão no número de provas corrigidas da PCAM.

“O quadro de cargos da PC é composto por 705 delegados enquanto a folha mostra 207. Já dos 2.115 investigadores citados em lei, apenas 1.211 estão na ativa; a mesma situação verificada entre os escrivães, que na Lei somam 655 e no quadro atual da PC totalizam 265. São muitos cargos que podem, via cadastro reserva, serem preenchidos futuramente, de acordo com a capacidade da gestão, sem que necessariamente ela precisasse arcar com todo ônus (custos) para a realização de novo certame. Eu defendo esse aumento de provas corrigidas e estou na luta para que isso aconteça”, concluiu.

Fonte: Assessoria de Comunicação




Provérbios LIBERAR O CMOMÉRCIO DE ARMAS DE FOGO

 
   
 
 
 
 
© - 2019 www.partidoliberal.org.br - Todos os direitos reservados
Tel.: - (61) 32029922
SHS Quadra 06 Bloco "A" Conjunto "A" Sala 903
Centro Empresarial Brasil 21 Asa Sul - CEP: 70316-102 Brasília - DF
 
Brasília, 26/05/2021 - PL-TV: O Rio em mãos do bem - Entrevista Cláudio Castro

Brasília, 18/01/2022 - PL-TV: Projeto de Altineu Côrtes propõe condições mínimas de trabalho para entregadores de aplicativos Brasília, 28/12/2020 - PL-TV: Portinho é convidado a assumir Liderança do PL no Senado
Nova Presidente do PL Mulher
Presidente do Partido Liberal, Tadeu Candelária (PL-SP)
Veja aqui todos os nossos vídeos e nossas reportagens

Secretaria de Comunicação do Partido Liberal
FICHA DE FILIAÇÃO EM PDF Deputados Federais do Partido Liberal da 56ª Legislatura
Senadores do Partido Liberal Veja todas Notícias no Facebook Veja nossos Vídeos no Youtube
  <area shape= Veja nossos Vídeos no Youtube Veja nossos Vídeos no Youtube veja as notícias no Twitter
veja as notícias no Instagram