Esta Matéria não tem vídeo

Esta Matéria não tem 
vídeo

   

 

PL-TV:

Carla Zambelli apresenta projeto de lei
que aumenta pena para incitação ao aborto


Brasília - A deputada Carla Zambelli (PL-SP) apresentou, na última sexta-feira, 8, um projeto de lei que altera o Código Civil para incluir disposições referentes ao direito do nascituro e cria, no Código Penal, o crime de incitação ao aborto.

No aspecto criminal, a proposta prevê a decretação, em sentença, da cassação do registro profissional dos médicos responsáveis pelo aborto. Hoje, os profissionais precisam passar por processo administrativo no âmbito do conselho de classe.

Além disso, é criado o crime de incitação ao aborto, com pena que pode chegar a até um ano de prisão. Atualmente, a pena de incitação ao crime é de três a seis meses.

Ainda pela proposta, juízes e tribunais ficam proibidos de autorizarem a realização de abortos fora das hipóteses legais. Segundo a deputada, "o objetivo de tal alteração é impedir que o Judiciário extrapole aquilo que o povo brasileiro decidiu através de seus representantes eleitos, que é a máxima restrição à possibilidade de aborto".

Zambelli defende que "o direito à vida é um direito fundamental de todas as pessoas, historicamente reconhecido como inviolável nas mais diversas constituições brasileiras", complementando que "aqueles que defendem, estimulam ou validam o assassinato de fetos praticam condutas que são reprováveis à luz dos valores sobre os quais a sociedade brasileira foi formada".

Na justificativa, a deputada conclui que "o aborto é uma prática sem qualquer respaldo constitucional, legal, moral ou social". A fala do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, atual pré-candidato à presidência da República, num verdadeiro ataque à vida e em adesão a uma agenda abortista e anti-cristã globalista, que inclui a destruição da família, base da sociedade e dos valores conservadores que alicerçam a fé da maioria do povo brasileiro, causou revolta e ganhou repercussão na última semana.

Sobre o tema, Zambelli aponta que "as falas do ex-presidiário, defendendo esse crime de morte de seres indefesos abertamente, são inadmissíveis e revelam a natureza da ideologia que, por onde passou, mergulhou nações inteiras num terreno de caos moral e social, abrindo caminho para projetos totalitários de poder, o que não podemos e não vamos aceitar em nosso País.”

O Projeto 883/2022, de autoria da deputada Carla Zambelli, aguarda despacho do presidente da Câmara Federal.

Íntegra da Proposta: PL 883/2022




Provérbios LIBERAR O CMOMÉRCIO DE ARMAS DE FOGO

 
   
 
 
 
 
© - 2019 www.partidoliberal.org.br - Todos os direitos reservados
Tel.: - (61) 32029922
SHS Quadra 06 Bloco "A" Conjunto "A" Sala 903
Centro Empresarial Brasil 21 Asa Sul - CEP: 70316-102 Brasília - DF
 
Brasília, 26/05/2021 - PL-TV: O Rio em mãos do bem - Entrevista Cláudio Castro

Brasília, 18/01/2022 - PL-TV: Projeto de Altineu Côrtes propõe condições mínimas de trabalho para entregadores de aplicativos Brasília, 28/12/2020 - PL-TV: Portinho é convidado a assumir Liderança do PL no Senado
Nova Presidente do PL Mulher
Presidente do Partido Liberal, Tadeu Candelária (PL-SP)
Veja aqui todos os nossos vídeos e nossas reportagens

Secretaria de Comunicação do Partido Liberal
FICHA DE FILIAÇÃO EM PDF Deputados Federais do Partido Liberal da 56ª Legislatura
Senadores do Partido Liberal Veja todas Notícias no Facebook Veja nossos Vídeos no Youtube
  <area shape= Veja nossos Vídeos no Youtube Veja nossos Vídeos no Youtube veja as notícias no Twitter
veja as notícias no Instagram