Esta Matéria não tem vídeo
Governo Federal atinge número histórico de contratos de terminais de uso privado

Governo Federal atinge número histórico de contratos de terminais de uso privado
Esta Matéria não tem 
vídeo

 

Governo Federal

atinge número histórico de
contratos de terminais de uso privado


Brasília – O Governo Federal, por meio do Ministério da Infraestrutura, fechou o ano de 2021 com dois números históricos: 52 contratos de autorização assinados para a exploração de terminais de uso privado (TUPs) e R$ 12,4 bilhões de investimentos privados.

No ano passado, foram celebradas as assinaturas de 17 novas autorizações e de 35 aditamentos contratuais de empreendimentos espalhados por 14 unidades da Federação de todas as regiões do Brasil.

Em relação ao ano anterior, o incremento foi de 5,86% entre contratos novos e aditivos. Além disso, o desempenho de 2021 supera o registrado em 2018, até então o recordista desde a entrada em vigor da Lei dos Portos (Lei 12.815/2013). Na oportunidade, foram autorizados 34 TUPs com investimentos de R$ 11,38 bilhões.

De acordo com o secretário Nacional de Portos e Transportes Aquaviários, Diogo Piloni, além de aquecer a economia e gerar empregos, as iniciativas deixam o Brasil mais competitivo. “Credibilidade, seriedade e estabilidade são imprescindíveis para fazer parcerias e a iniciativa privada tem tido essa segurança. Neste ano, vamos continuar ampliando nossa carteira de contratos, fortalecendo ainda mais o setor portuário no país”, afirma.

Destaques O Porto Central (ES) é um dos três empreendimentos que tiveram aportes de recursos mais relevantes. Com um termo aditivo de R$ 4 bilhões, o porto alcançou R$ 6,2 bilhões em investimentos. O terminal está triplicando de tamanho e, consequentemente, aumentando sua capacidade de movimentação de cargas conteinerizadas, granéis sólidos, líquidos e gasosos.

O Terminal Portuário Brites (SP) também teve destaque, com R$ 2,8 bilhões de aporte financeiro, investimentos para a ampliação da área e alteração do perfil para multicargas (excluindo contêineres).

A novidade no ranking é o Terminal de Uso Privado do Estado da Bahia, localizado na cidade de Ilhéus. Trata-se de uma nova autorização, com perfil de cargas gerais e granéis sólidos e líquidos e investimento de R$ 2 bilhões.

Projeção

Para 2022, a previsão da Secretaria Nacional de Portos e Transportes Aquaviários (SNPTA) é de que investimentos em portos de uso privado, a partir de novos contratos, greenfields e regularizações, seja de R$ 38,9 bilhões. A carteira de contratos que serão possivelmente assinados pode chegar a 53 projetos, entre novos e aditivos.

Fonte: Com informações do Ministério da Infraestrutura




Provérbios LIBERAR O CMOMÉRCIO DE ARMAS DE FOGO

 
   
 
 
 
 
© - 2019 www.partidoliberal.org.br - Todos os direitos reservados
Tel.: - (61) 32029922
SHS Quadra 06 Bloco "A" Conjunto "A" Sala 903
Centro Empresarial Brasil 21 Asa Sul - CEP: 70316-102 Brasília - DF
 
Brasília, 26/05/2021 - PL-TV: O Rio em mãos do bem - Entrevista Cláudio Castro

Brasília, 18/01/2022 - PL-TV: Projeto de Altineu Côrtes propõe condições mínimas de trabalho para entregadores de aplicativos Brasília, 28/12/2020 - PL-TV: Portinho é convidado a assumir Liderança do PL no Senado
Nova Presidente do PL Mulher
Presidente do Partido Liberal, Tadeu Candelária (PL-SP)
Veja aqui todos os nossos vídeos e nossas reportagens

Secretaria de Comunicação do Partido Liberal
FICHA DE FILIAÇÃO EM PDF Deputados Federais do Partido Liberal da 56ª Legislatura
Senadores do Partido Liberal Veja todas Notícias no Facebook Veja nossos Vídeos no Youtube
  <area shape= Veja nossos Vídeos no Youtube Veja nossos Vídeos no Youtube veja as notícias no Twitter
veja as notícias no Instagram